Archive for the ‘ Uncategorized ’ Category

Otis!

Solidamente experimental. Intencionalmente livre. Incrivelmente destemido.

o ver & o vidro

Bruno Arantes

de ouvido

di   vi

di   do

entre

o

ver

&

o

vidro

du  vi  do

(Paulo Leminski, “Caprichos e Relaxos”)

Ba-lue, blooz, ba-lues-are

Blues walk, loose walk, walk loosely, blue note.

Assombro

Bruno Arantes

Mingus! Mingus! Mingus!

Parte final da apresentação de Charles Mingus no Montreux Jazz Festival de 1975. Músicos convidados, Benny Bailey (t) e Gerry Mulligan (bs) somam-se ao quinteto inicial e emprestam brilhantes interpretações a dois temas: Goodbye Pork Pie Hat (C. Mingus) e Take the “A” Train (B. Strayhorn). Sem mais palavras.

Ave, John Coltrane! Hallelujah!

John Coltrane Quartet, Jazz Casual [07/12/1963]

John Coltrane retoma o saxofone soprano de Sidney Bechet nesta “Afro Blue” (Mongo Santamaria) em inspirada versão. Admito parcialidade, mas este quarteto é sem dúvida um dos combos mais incríveis que a história do Jazz já presenciou.

A gravação de dezembro de 63 é do Jazz Casual, primeira série televisiva norte-americana dedicada ao Jazz. Dirigida, apresentada e comentada pelo colunista Ralph J. Gleason, a série foi de 61 a 68, com participações de Dizzy Gillespie, Gerry Mulligan, B.B. King, Sonny Rollins, Carmen McRae, Dave Brubeck além de J. Coltrane e outros. Na sequência de “Afro Blue”, Coltrane improvisa dois outros temas, estes de sua autoria (“Alabama” e “Impressions”), todos enfileirados na lista de reprodução que dedicamos a Saint Coltrane no canal “clubedaserpente” no YouTube (link na coluna aqui à direita do blog).

B.A.

Messengers

Art Blakey & The Jazz Messengers – Paris 1959 – Goldie

Art Blakey (d), Wayne Shorter (ts), Lee Morgan (tpt), Walter Davis Jnr (p) and Jymie Merritt (b)